Sabbaths e Esbbaths - Grimório De Hades

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Sabbaths e Esbbaths

Fonte: Oficina Das Bruxas
Sabbaths e Esbbaths são celebrações para os deuses e por isso devem ser feitos com muito respeito. Muitos gostam de fazer grandes festas com muitos convidados, mas isso não é necessário, você pode apenas pode convidar seu coven/grupo de estudos/amigos ou fazer sozinho, o importante é sempre agradecer aos deuses pelas coisas boas que eles enviam para sua vida, e lembre-se que é sempre essencial agradecer. Se quiser também peça proteção, ajuda ou conselhos. O importante nessas celebrações é sua conexão com as divindades. 

SABBATH OU SABÁS:

Os sabás são rituais solares, ou seja rituais para celebrar as passagens do Deus Sol, seu nascimento, vida, morte e renascimento através das estações do ano. São oito sabás durante o ano. 
Dois equinócios que são quando o dia e a noite são em tamanhos iguais (Mabon e Ostara). 
Dois solstícios que são quando o dia é maior que a noite ou a noite maior que o dia (Yule e Litha). 
E os outros são os grandes sabás, que são comemorados no pico (meio) de cada estação. (Imbolc, Belteme, Lammas, Souim).
Cada um desses ritos tem um significado forte e toda vivencia, os oito sabás formam a sagrada roda do ano.

02/02 Lammas – verão (pico de estação) 
21/03 Mabon – outono (entrada de estação) 
01/05 Souim – outono (pico de estação) 
21/06 Yule – inverno (entrada de estação) 
01/08 Imbolc – inverno (pico de estação) 
21/09 Ostara – primavera (entrada de estação) 
31/10 Belteme – primavera (pico de estação) 
21/12 Litha – verão (entrada de estação) 


ESBBATHS OU ESBÁS: 

Os Esbás são celebrações lunares para a Deusa, é celebrado todas as noites de Lua Cheia.
No total são 13 luas cheias por ano, ou seja 13 Esbás por ano.
Nos Ebás a Deusa está em seu ponto máximo de poder, com sua face luminosa voltada para a terra e é ai q entramos em êxtase e trazemos para nós bruxos o poder dela. 


Fonte do artigo: aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário